CANÇÃO NOVA


    by admin on fevereiro 17, 2019

    Assista ao vivo Santa Missa, Sorrindo pra Vida, Terço da Misericórdia, e muito mais! Toda a sua programação da Canção Nova online e disponível onde e quando quiser, diretamente no seu navegador.

     

    Canção Nova ao Vivo

    Canção Nova ao Vivo

    A Canção Nova Ao Vivo na LiveTV é uma ótima maneira nova de acessar episódios e clipes completos de todos os seus programas da Canção Nova favoritos. Novo conteúdo é adicionado o tempo todo.

    • Assista Canção Nova Online, com todo o conteúdo disponível.
    • Veja clipes exclusivos e cenas excluídas de programas da Canção Nova, nunca antes exibidos na televisão.
    • Totalmente gratuito e seguro.

     

    Canção Nova é uma comunidade católica brasileira fundada pelo Monsenhor Jonas Abib no ano de 1978, seguindo as linhas da Renovação Carismática Católica. Com sede na cidade de Cachoeira Paulista (SP), ocupa uma área de 372 mil m2 e conta com sistema de rádio e televisão de longo alcance, estendendo-se a outros países como Portugal, Itália, Israel, França e Paraguai.Há quatro décadas (1976) quando Dom Antônio Afonso de Miranda, bispo emérito de Taubaté, disse ao então Padre Jonas Abib: “Já que você trabalha com jovens, comece com os jovens que é mais fácil”, fala esta entendida por este sacerdote como chamado de Deus e que alavancou os primeiros membros e continua se intensificando cada vez mais atualmente. Em 1968, começaram os primeiros encontros com os jovens, e a partir de 1972, começaram as experiências de oração no Espírito Santo, em Lorena visando primeiro encontro pessoal com Cristo e o batismo no Espírito Santo, surgindo a necessidade e um recinto com estrutura e adequado para tais encontros,foi quando na cidade de Areias (SP) encontraram uma fazenda que instituiu o nascimento da Associação Canção Nova, após dois anos, começava a ser construída a primeira Casa de Missão na cidade vizinha de Queluz, que foi batizada de “Canção Nova – a Casa de Maria”.

    No mês de junho de 1976 realizou-se o primeiro encontro para moças, chamado de Maranathá de moças, ministrado por Dom Antônio Afonso de Miranda, então bispo de Lorena, nascendo assim as bases evangelizadoras da Canção Nova, tendo Padre Jonas que comparecer ao escritório episcopal, onde recebeu a missão de colocar em prática a Exortação Apostólica “Evangelii Nuntiandi”: Evangelização no Mundo Contemporâneo, assinado pelo Papa Paulo VI em 8 de dezembro e publicado em 21 de dezembro de 1975.No ano seguinte a 1977, Pe. Jonas através de um curso de catequese voltada para os jovens, se transformando em encontros chamados de “Catecumenatos” ultrapassava os limites, atraindo os pais desta juventude que percebiam a transformação de seus filhos e despertavam-lhes o desejo deste “algo novo”, acontecendo fidedignamente o que versava no documento apresentado pelo bispo anteriormente mencionado: “(…) Tocados pela graça, descobrem pouco a pouco o rosto de Cristo e experimentaram a necessidade de a Ele se entregar” (EN, n. 44).

    Tempos depois Padre Jonas foi além, resolveu iniciar um “Catecumenato” interno, só que os jovens teriam que deixar família, a casa e os estudos para se entregarem ao Espírito Santo e os primeiros a serem convidados a este desafio foram os jovens de Queluz e apenas 12 aceitaram, então em 2 de fevereiro de 1978 iniciava a Comunidade Canção Nova.Ousando cada vez mais Pe.Jonas continuou seguindo outro capítulo do documento pontifício: “Em nosso século tão marcado pelos mass media, ou meios de comunicação social, o primeiro anúncio, a catequese ou o aprofundamento interior da fé, não pode deixar de se servir desses meios conforme já tivemos ocasião de acentuar. Postos ao serviço do Evangelho, tais meios são suscetíveis de ampliar, quase até o infinito, o campo para poder ser ouvida a Palavra de Deus e fazer com que a Boa Nova chegue a milhões de pessoas. A Igreja se sentiria culpável diante de Seu Senhor se ela não lançasse mão desses meios potentes que a inteligência humana torna cada dia mais aperfeiçoados. É servindo-se deles que ‘apregoa sobre os terraços’ a mensagem de que ela é depositária. Neles encontra uma versão moderna e eficaz do púlpito. Graças a eles consegue falar às multidões” (EN, n.45).

    Após o retiro de carnaval de 1979,chamado de “Rebanhão”, realizado na cidade de Cruzeiro, deu início a construção de quatro Casas de Missão em Cachoeira Paulista, mesmo sabendo receberam por doação apenas uma faixa do terreno, sendo edificado apenas um sobrado. Depois de inúmeras conquistas,Jonas Abib, agora monsenhor, declarou: “Cachoeira Paulista é o lugar onde Deus nos colocou para viver de maneira privilegiada a missão de evangelizar. Realizar essa evangelização pelos meios de comunicação: a mídia”, conclui monsenhor Jonas.

    Em 3 de novembro de 2008 a Canção Nova alcançou o Reconhecimento Pontifício, recebendo aprovação dos seus estatutos junto a Santa Sé e nesta data estavam presentes em Roma, o fundador da comunidade católica, monsenhor Jonas Abib juntamente com os co-fundadores, Luzia Santiago e seu esposo Wellington Jardim; cercado por dezenas de missionários, amigos e bispos brasileiros, celebraram o “sim” da Igreja para que a missão desta Obra de Evangelização se espalhe pelo mundo.




    Assista também: